sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Porque o Rei Nabucodonozor Comeu Capim?


* Nabucodonosor * O rei que, por 7 anos comeu capim no pasto?


Ioná Loureiro

Será que comer capim é realmente ruim? Neste caso, existiu um rei que precisou literalmente comer capim para reconhecer a glória de Deus e deixar de lado a sua arrogância e prepotência.

Estamos falando do rei Nabucodonosor. Cercado de honras e glória, líder de um reino fortemente estabelecido, teve um sonho, por meio do qual Deus o advertiu, avisando que tiraria de suas mãos o seu reino caso que não reconhecesse a sua soberania em seu reinado e em sua vida. Vejamos o sonho do grande rei.
“Eram assim as visões da minha cabeça quando eu estava no meu leito: eu estava olhando e vi uma árvore no meio da terra, cuja altura era grande; crescia a árvore e se tornava forte, de maneira que a sua altura chegava até ao céu; e era vista até aos confins da terra.

A sua folhagem era formosa, e o seu fruto, abundante, e havia nela sustento para todos; debaixo dela os animais do campo achavam sombra, e as aves do céu faziam morada nos seus ramos, e todos os seres viventes se mantinham dela. No meu sonho, quando eu estava no meu leito, vi um vigilante, um santo, que descia do céu, clamando fortemente e dizendo: Derribai a árvore, cortai-lhe os ramos, derriçai-lhe as folhas, espalhai o seu fruto; afugentem-se os animais de debaixo dela e as aves, dos seus ramos. Mas a cepa, com as raízes, deixai na terra, atada com cadeias de ferro e de bronze, na erva do campo.

Seja ela molhada do orvalho do céu, e a sua porção seja, com os animais, a erva da terra. Mude-se-lhe o coração, para que não seja mais coração de homem, e lhe seja dado coração de animal; e passem sobre ela sete tempos. Esta sentença é por decreto dos vigilantes, e esta ordem, por mandado dos santos; a fim de que conheçam os viventes que o Altíssimo tem domínio sobre o reino dos homens; e o dá a quem quer e até ao mais humilde dos homens constitui sobre eles”. (Daniel 4:10-17)

O profeta Daniel explicou-lhe o sonho, alertando que precisava se arrepender, se desprendendo de sua postura arrogante e soberba. Mesmo assim, o rei não deu ouvidos ao sonho que tivera. Vejamos o ápice de sua arrogância e o que aconteceu quando o sonho se cumpriu em sua vida:

“...falou o rei e disse: Não é esta a grande Babilônia que eu edifiquei para a casa real, com o meu grandioso poder e para glória da minha majestade?” (Daniel 4:30)
“No mesmo instante, se cumpriu a palavra sobre Nabucodonosor; e foi expulso de entre os homens e passou a comer erva como os bois, o seu corpo foi molhado do orvalho do céu, até que lhe cresceram os cabelos como as penas da águia, e as suas unhas, como as das aves” (Daniel 4:33)

Vemos, assim, que o renomado rei literalmente comeu capim e só então pode reconhecer a glória de Deus em sua vida. O seu grande erro foi justamente se apegar a sua glória, aos seus feitos e deixar de reconhecer o Senhor em sua vida. E neste contexto, podemos notar que muitas vezes Deus nos levar a comer capim, ou seja, a experimentar momentos difíceis, a perder a nossa honra para arrancar de nós toda e qualquer raiz de arrogância e prepotência. Como sabemos, Deus é soberano e não reparte a sua glória com ninguém “A minha glória, não dou a outrem” (Isaías 42:11). Ou seja, tudo o que somos e tudo o que temos vem das mãos de Deus e jamais podemos negligenciar este fato.

E quando não reconhecemos esta verdade, quando não somos humildes o suficiente para reconhecer Deus em todos os nossos caminhos, Ele pode nos leva a comer capim, a perder o que temos para repensarmos um pouco, como aconteceu com o rei Nabudonosor, que após literalmente pastar e perder tudo o que tinha, soube louvar o glorificar o nome do Senhor. “Mas ao fim daqueles dias, eu, Nabucodonosor, levantei os olhos ao céu, tornou-me a vir o entendimento, e eu bendisse o Altíssimo, e louvei, e glorifiquei ao que vive para sempre, cujo domínio é sempiterno, e cujo reino é de geração em geração” (Daniel 4:34).

Diante das reflexões acima, posso afirmar que comer capim faz bem. Melhor ainda é não ter de experimentá-lo. Mas para que isto aconteça, é preciso que estejamos todos cingidos de humildade e simplicidade, nos humilhando sempre perante a potente mão de Deus para que no seu devido tempo Ele nos exalte (Tiago 4:10). Confesso que já tive de comer capim.

Foi muito amargoso na ocasião, mas hoje, passados alguns anos, posso dizer que foi muito bom, pois sempre quando meu coração quer me enganar, me levando a pensar que sou alguma coisa sem Deus, lembro-me daqueles momentos em que tive de pastar em meio a minha auto-suficiência, lembro-me dos dias em que me alimentei do que não queria, dias que me levaram a reconhecer o Senhor em todos os meus caminhos.

9 comentários:

  1. Ao Senhor toda honra gloria e louvor para sempre, amém

    ResponderExcluir
  2. Realmente diante do Senhor nada somos

    ResponderExcluir
  3. Deus è soberano, devemos tudo a ele. Completamente tudo.



    ResponderExcluir
  4. Deus è soberano, devemos tudo a ele. Completamente tudo.



    ResponderExcluir
  5. Alfredo tavares eu ti vi momento na minha vida que ti vi que comer capim eu merecia comer coisa pior do que capim mais DEUS teve misericórdia de mim glorifico ADEUS por isso

    ResponderExcluir
  6. Alfredo tavares eu ti vi momento na minha vida que ti vi que comer capim eu merecia comer coisa pior do que capim mais DEUS teve misericórdia de mim glorifico ADEUS por isso

    ResponderExcluir
  7. Deus é meu refúgio,minha fortaleza, meu fie amigo, minha proteção, Meu DEUS em que eu confiro, é o ar que eu respiro
    A ele toda hora, toda glória e toda adoração. Te amo meu Deus! Sua serva Calina

    ResponderExcluir
  8. O homem é muito pequeno diante de Deus. Uma pena que muitos esqueceram disso e querem ser maior até do que ele. Triste isso.

    ResponderExcluir